domingo, 9 de novembro de 2014

COM QUE ZELO VOCÊ TEM CUIDADO DAS SUAS RELAÇÕES?

Você TEM CUIDADO das suas relações?  Desculpa! Emprego do verbo em continuidade... Melhor perguntar: Você CUIDA das suas relações?
Se a resposta for SIM, parabéns! Mas temo que seja NÃO para a maioria de nós...
Todas as coisas estão postas ao cuidado!
O que não se cuida gasta, perde, estraga, pui, decai... Todas as relações estão postas ao cuidado. Não existe relação unilateral, relação imprescinde ao menos dois em troca e gratuidade.
Que droga! Quando é que a gente vai entender que as relações não se fazem sozinhas? Elas carecem de investimento, dedicação, cuidado, zelo...
Mas, se olharmos com atenção, veremos que somos um bando de imbecis, autocêntricos, vivendo relações egocêntricas, imperialistas e, o pior – CIRCUNSTANCIAIS – ou não perceberam ainda que somos peças dentro de um jogo, ora úteis, ora inúteis, e só?
É cada um no seu posto querendo atenção e zelo quando acham conveniente, e logo mais peças fora do jogo quando as conveniências mudam... Somos apenas um bando de imbecis, tolos, sozinhos, carentes, e burros pra porra!!! Uma geração de loucos solitários construindo com esmero nossos castelos de solidão e perguntando: o que fizemos de errado????
O que fizemos de errado? Achamos que éramos a %$#@& do centro do mundo! Sentados em nossos tronos de ilusões, autoestimando uma droga de existência egoísta... Querendo ser amados, queridos, escutados, acolhidos em nossas fragilidades sem no entanto construir meios pra isso.
Que cuidado você tem dado às suas relações? Ainda não parou pra pensar que acaba, desvanece, entristece, se parte e parte tudo o que não tem zelo, tudo a que não se dedica cuidado?
Sei que já disse antes: “tá com saudades? Ligue! Quer saber notícias? Procure! Quer dar um abraço? Vá ao encontro! Não espere do outro. É você e o seu desejo... tem a ver com você e você mesmo... realize!!!”. É, já disse sim!!!! E não estou voltando atrás não!!! Mas, é muito claro, nessa fala tem clara uma relação sua com seu desejo; você está no comando; você decide como quer agir diante das suas necessidades do outro, se sozinho esperando ou realizando. Tudo bem! Mas isso não é relação!!!!!
 Com que zelo tem cuidado das suas relações? Que investimentos tem feito? Com que atenção tem cuidado das relações que te deram ou darão o cuidado que um dia, inevitavelmente, você vai precisar?
Agora vou dizer: “Quer comtemplar rosas? Regue! Quer um abraço? Estenda os braços! Quer carinho? Acaricie! Quer cuidado? Cuide também e bem! É SIMPLES ASSIM!!!
Estou cansado da avareza sentimental de alguns... Escondem sua solidão em avultadas relações porque não são capazes de cuidar das relações que tem. Vivem relações pontuais e circunstanciais. Egoístas, não conseguem enxergar nada que não suas próprias necessidades... Ah! Vão pra uma %$#@&!!!
Peço humildemente: AFASTEM-SE DE MIM!!!!
Mas não posso deixar de ressaltar o contrário; não posso deixar de sentir uma vontade imensa de sorrir ao lembrar de pessoas lindas em suas relações de troca, interação, cuidado, zelo. Obrigado por me fazerem digno de suas companhias, suas palavras, seu acolhimento. Vocês merecem o melhor da vida!!!
Como? Se os avarentos sentimentais não merecem também o melhor? Claro que não! CARECEM DO MELHOR DA VIDA! O que é bem diferente: MERECER e CARECER.
Se eu mereço ou careço? Não sei ao certo... Sei que, ao menos, tenho a certeza de não esperar de ninguém o que não for capaz de oferecer também. E descobri de mim mesmo que não sou gratuito sempre, que igual todo mundo, também espero zelo e cuidado dos que zelo e cuido e, se em algum momento fiz parecer diferente, estou desfazendo:
A partir de agora, terá parte de mim e parte na minha vida quem for capaz de fazer parte dela também. Como diz a canção: SEMPRE TEM A HORA QUE O CAMELO TEM SEDE. E tenho dito!!!

Um comentário:

Jessica disse...

Gostei muito😊